VAMOS FALAR DE AMOR

Área destinada para tratarmos dos mais variados assuntos vinculados com o aspecto Cultural e Tecnológico.
Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 03 Ago 2016, 15:13

Imagem

amor :apai:
substantivo masculino
1.
forte afeição por outra pessoa, nascida de laços de consanguinidade ou de relações sociais.
2.
atração baseada no desejo sexual.

------

O que vocês pensam sobre o amor?

O amor existe? De que forma? Em que situação?

Você já amou? Qual a sensação?

Há muita confusão entre amor e outros sentimentos?

Vamos falar de amor...
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
Viniiicius
Júnior
Júnior
Mensagens: 2841
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:00
Localização: Natal/RN
Contato:

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Viniiicius » 03 Ago 2016, 15:14

O que de um grande amor se espera é que tenha fogo, que domine o pensamento e traga sentido novo.
Que tenha paixão, desejo, que tenha abraço e beijo.

Avatar do usuário
Fernando Henrique
Júnior
Júnior
Mensagens: 1225
Registrado em: 14 Jan 2016, 14:13
Localização: Engenho de Dentro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Fernando Henrique » 03 Ago 2016, 15:22

O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
O DIA EM QUE EDMUNDO...
Imagem
...ABRIU O MAR VERMELHO.

Avatar do usuário
edu_vascao
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 2654
Registrado em: 24 Dez 2015, 10:57

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por edu_vascao » 03 Ago 2016, 15:23

Imagem
Imagem
O dia da crianca tambem eh o dia do animal
pena de morte para corrupcao
#separario
Supremos Traidores Federais
Ja pode prender o Lula?

Avatar do usuário
cenobre37
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 579
Registrado em: 30 Dez 2015, 16:26
Localização: MIM ACHER

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por cenobre37 » 03 Ago 2016, 15:35

edu_vascao escreveu:Imagem
Esse é eterno!!!
Imagem

Avatar do usuário
Lorenzo
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 8419
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:36
Localização: Rio de Janeiro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Lorenzo » 03 Ago 2016, 15:59

Mas q p...?
ImagemImagem
ImagemImagem
O ontem e o hoje.

Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 03 Ago 2016, 16:04

Lorenzo escreveu:Mas q p...?
Não curte falar de amor?
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
Wagnersac
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 6283
Registrado em: 29 Dez 2015, 22:36
Localização: Copacabana - RJ
Contato:

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Wagnersac » 03 Ago 2016, 16:04

Lorenzo escreveu:Mas q p...?

Pepeka sendo Marcin.
Imagem

Avatar do usuário
Cheder
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 10621
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:13

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Cheder » 03 Ago 2016, 16:06

Marcinho tinha que criar esse topico

Avatar do usuário
Lorenzo
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 8419
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:36
Localização: Rio de Janeiro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Lorenzo » 03 Ago 2016, 16:11

Pck escreveu:
Lorenzo escreveu:Mas q p...?
Não curte falar de amor?
Eu sou o Marcin por acaso?
ImagemImagem
ImagemImagem
O ontem e o hoje.

Avatar do usuário
Lorenzo
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 8419
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:36
Localização: Rio de Janeiro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Lorenzo » 03 Ago 2016, 16:12

Ppk apaixonada é foda...
ImagemImagem
ImagemImagem
O ontem e o hoje.

Avatar do usuário
Wagnersac
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 6283
Registrado em: 29 Dez 2015, 22:36
Localização: Copacabana - RJ
Contato:

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Wagnersac » 03 Ago 2016, 16:15

Lorenzo escreveu:Ppk apaixonada é foda...
Literalmente.
Imagem

Avatar do usuário
ORESTES
Profissional
Profissional
Mensagens: 4533
Registrado em: 31 Dez 2015, 11:05
Localização: ACHOU QUE EU TAVA BRINCANDO?

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por ORESTES » 03 Ago 2016, 16:20

Cadê o Marcinho do fórum nessas horas?
Imagem Imagem
O BrAsIl sÓ é uM PaIs tRoPiCaL PoRqUe sUa mÃe tRoPiCoU No mEu pAu

Avatar do usuário
LuanAraujo
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 2618
Registrado em: 13 Jul 2016, 23:17

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por LuanAraujo » 03 Ago 2016, 16:22

Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Eu não quero sexo com o Vasco.
Imagem

Avatar do usuário
Fear
Júnior
Júnior
Mensagens: 1059
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:46

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Fear » 03 Ago 2016, 16:23

Acho "amor" uma palavra muito forte e comumente a banalizam.

Posso dizer, com certeza, que amor eu só sinto pela minha genitora.
Editado pela última vez por Fear em 03 Ago 2016, 16:43, em um total de 1 vez.
Imagem

Avatar do usuário
Fernando Henrique
Júnior
Júnior
Mensagens: 1225
Registrado em: 14 Jan 2016, 14:13
Localização: Engenho de Dentro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Fernando Henrique » 03 Ago 2016, 16:40

LuanAraujo escreveu:
Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Eu não quero sexo com o Vasco.
Se o Vasco fosse uma portuguesa bem da gostosa, aposto que queria :evilg:
O DIA EM QUE EDMUNDO...
Imagem
...ABRIU O MAR VERMELHO.

Avatar do usuário
Lorenzo
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 8419
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:36
Localização: Rio de Janeiro

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Lorenzo » 03 Ago 2016, 16:43

LuanAraujo escreveu:
Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Eu não quero sexo com o Vasco.
Pra foder o Vasco já basta os presidentes...
ImagemImagem
ImagemImagem
O ontem e o hoje.

Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 03 Ago 2016, 17:04

Lorenzo escreveu:
LuanAraujo escreveu:
Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Eu não quero sexo com o Vasco.
Pra foder o Vasco já basta os presidentes...
Ta confundindo sexo com amor.
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
BAH
Promessa
Promessa
Mensagens: 281
Registrado em: 05 Jan 2016, 11:03

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por BAH » 05 Ago 2016, 14:57

Fernando Henrique escreveu:
LuanAraujo escreveu:
Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Eu não quero sexo com o Vasco.
Se o Vasco fosse uma portuguesa bem da gostosa, aposto que queria :evilg:
A Portuguesa de Desportos nem é grande coisa e fuderam com ela bonito. Praticamente um estupro coletivo.

Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 05 Ago 2016, 15:01

Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
E o amor pelo Vasco como um dos colegas citou, onde se enquadra nessa sua ideia?
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
scinddan
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 1573
Registrado em: 24 Dez 2015, 00:35
Localização: Indaial - SC

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por scinddan » 05 Ago 2016, 16:19

BAH escreveu:
Fernando Henrique escreveu:
LuanAraujo escreveu:
Eu não quero sexo com o Vasco.
Se o Vasco fosse uma portuguesa bem da gostosa, aposto que queria :evilg:
A Portuguesa de Desportos nem é grande coisa e fuderam com ela bonito. Praticamente um estupro coletivo.
Pelo que fez em 2013, ela mereceu ser estuprada
Imagem

Avatar do usuário
Henrique Francioni
Júnior
Júnior
Mensagens: 1178
Registrado em: 31 Dez 2015, 09:31

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Henrique Francioni » 05 Ago 2016, 16:36

Fernando Henrique escreveu:O único amor que existe é o amor de família, o instinto paternal e o fraternal. De resto, isso não existe, o que existe é ter atração sexual por outra pessoa, que a humanidade que sempre procura encontrar um termo mais bonitinho para coisas reais, chama de "amor"
Fernando, fazia tempo que não lia uma frase tão correta.

Acredito que o amor paterno/fraterno são únicos. Por exemplo: Suponhamos que um casal divorcia-se, neste relacionamento envolve uma criança, na qual tanto a mãe quanto ao pai não deixaram de amar o filho(a). Este amor é único, nenhum outro conseguiria substituir.

Quanto aos pais, seguiriam cada um para o seu lado, buscando novos parceiros para "amar" novamente. Acredito que o "amor entre casais" é muito por conta da convivência junto ao companheiro(a). Exemplo desta tese, é o que ocorre diariamente, relacionamentos acabam assim como o "amor" que diziam ter um pelo outro.

Dito isto, defendo que existem dois tipos de amores:

1 - Amor Paterno/Fraterno.

2 - Amor Sexual - o que é uma necessidade nos seres humanos.

Hoje posso dizer que amo a minha namorada, porém a minha família sempre estará acima.
Imagem

Avatar do usuário
marcinhohn
Júnior
Júnior
Mensagens: 3304
Registrado em: 23 Dez 2015, 23:14
Localização: São Luis - MA

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por marcinhohn » 05 Ago 2016, 16:47

To aqui, podem falar agora.
Imagem

waltemirlima
Promessa
Promessa
Mensagens: 470
Registrado em: 07 Jan 2016, 17:08

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por waltemirlima » 05 Ago 2016, 17:47

Amor mesmo só fraternal.

Amor de casal é pura conveniência.

Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 05 Ago 2016, 17:48

Se um amor entre homem e mulher é tão forte, por que o dinheiro (a falta dele) é um dos principais motivos apontados para os divórcios?
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
Lord Humongous
Júnior
Júnior
Mensagens: 2757
Registrado em: 30 Dez 2015, 09:47
Localização: Guarapuava - PR

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Lord Humongous » 05 Ago 2016, 17:52

O que é o amor?

Avatar do usuário
ORESTES
Profissional
Profissional
Mensagens: 4533
Registrado em: 31 Dez 2015, 11:05
Localização: ACHOU QUE EU TAVA BRINCANDO?

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por ORESTES » 05 Ago 2016, 18:08

Lord Humongous escreveu:O que é o amor?
Bebê, não me machuque.
Imagem Imagem
O BrAsIl sÓ é uM PaIs tRoPiCaL PoRqUe sUa mÃe tRoPiCoU No mEu pAu

Avatar do usuário
Wagnersac
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 6283
Registrado em: 29 Dez 2015, 22:36
Localização: Copacabana - RJ
Contato:

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Wagnersac » 05 Ago 2016, 18:31

Por que, afinal, pessoas que se odeiam continuam casadas?

A paixão tem prazo de validade (cerca de três/quatro anos) e três destinos possíveis: a indiferença mútua, quando então há uma separação sem rancor; o amor companheiro, seu melhor resultado, quando a amizade erótica entre pessoas que se conhecem e se admiram toma o lugar das ilusões; e o sadomasoquismo, quando o amor é substituído pelo rancor surdo, num processo de vingança interminável, de ambas as partes.

O triste é perceber que o sadomasoquismo leva a mais bodas de ouro do que o amor: olhe em volta, nos restaurantes, os casais de meia idade em silêncio, desfilando seu desprezo recíproco para a plateia.

Sempre me intrigou o porquê desse fenômeno. Afinal, se eles se odeiam, por que não se separam? Quarenta anos de clínica me levaram a entender: porque não podem; eles se encontram numa prisão, e um é carcereiro do outro.

Numa prisão você perde a liberdade: por definição é um lugar de onde você não pode sair quando quiser. Perder a liberdade não é ruim em si, vive-se perdendo a liberdade por vontade, em troca de um projeto bacana, como ter filhos, por exemplo. Há mesmo aqueles que têm horror à liberdade, arranjam alguém (um ditador; um deus; um líder populista) para obedecer e acham que estão com a vida resolvida, pois fazer escolhas os assusta.

Ora, até aí, nada; é escolha deles, que sejam felizes, é como na anedota: "O que você acha dos padres se casarem?" "Bem, se eles se amam, por que não?"

Mas a prisão não é uma escolha, ela traz revolta e ressentimento, ela produz ódio. O problema é que esse ódio não se dirige ao "sistema" e os guardas estão bem defendidos. Sobra o companheiro de cárcere. Se Jesus disse "ama o próximo", porque é complicado amar o distante, também se acaba por odiar o próximo... porque ele está ao nosso alcance.

Essa é a tristeza do casamento-prisão: odeia-se o cônjuge-carcereiro. Lá se está a contragosto -e mostrando isso-, forçado, aturando, porque se entrou por paixão efêmera, por linha de montagem social, para não parecer esquisitão, solteirona, gay, porque todo mundo se casa, estava na hora de entrar para o rol dos homens sérios, para sair da prisão que era a casa dos pais, ter uma festa de arromba, descansar do medo de mulher desconhecida, arranjar alguém que o sustente, para sair bem na foto.

É por isso que, no consultório, muitas vezes faço essa pergunta: o que te prende a esse casamento? Muitas vezes uma pergunta parece uma ordem disfarçada ("Sai logo dessa droga!"). Não é o caso: quero conhecer mesmo os grilhões daquela prisão.

Isso faz da separação uma possibilidade séria: "É, de fato, eu não morreria se me separasse, mas... não quero! Há muitas coisas boas no meu casamento, além dos filhos. Bem, se eu posso me separar e não quero, por que eu fico me queixando do outro? Por que eu sou um ressentido crônico contra alguém que considero meu carcereiro?"

Nessa hora, a pessoa retorna de algum modo ao início de seu relacionamento, quando estava nele porque queria, e não aprisionado. Nessa hora a pessoa pode escolher se casar. Só pode se casar quem pode se separar. É quando o casamento não é mais uma prisão.

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/fr ... adas.shtml
Imagem

Pck
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 3249
Registrado em: 09 Jan 2016, 17:03
Localização: Cachoeiro de Itapemirim-ES

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por Pck » 05 Ago 2016, 18:37

Lord Humongous escreveu:O que é o amor?
Qual a sua definição?
O Caçador de Bot.

Avatar do usuário
scinddan
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 1573
Registrado em: 24 Dez 2015, 00:35
Localização: Indaial - SC

Re: VAMOS FALAR DE AMOR

Mensagem por scinddan » 05 Ago 2016, 18:52

Meu avós maternos e paternos foram casados por mais de 60 anos cada um.
Dizer que só existe amor entre pais e filhos acho errado.
Vejo que existem diversas formas de amor, e diversas intensidades.
E como cada um conhece apenas os seus próprios sentimentos, fica complicado exemplificar e definir exatamente eles.
Imagem


Voltar para “Cultura e Tecnologia”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante